Filacterios

Filacterios contém a aliança do homem com D’us. São poemas não religiosos que purgam desejos, pulsões, afetos, sombras e luzes, escritos entre 2017 e 2019.

Estão no topo da maturidade do poeta que driblam o hermetismo sem sacrifício da beleza e da representação do real.

Publicação da Patuá Editora.